4 Motivos para Usar Nadadeiras e 1 Motivo para Não Usar

  • motivos para usar nadadeiras

Nadadeiras são material de natação polêmico. Alguns técnicos incentivam uso, outros não querem nem ouvir falar. Há muitos motivos para usar e é possível que haja alguns para não usar. Tire suas próprias conclusões aqui e, depois, deixe seus comentários para que nossos leitores conheçam sua opinião. Participe.

Nadadeiras (Pé de Pato) Mormaii Open

Nadadeiras (Pé de Pato) Mormaii Open

Nadadeiras são também chamadas pés de pato ou ainda cauda dividida. Em outros países, ainda são encontradas como pés estendidos ou pés longos. São muitos os nomes e também são muitas as opiniões a respeito.

Aqui, você pode ver demonstrativo na Medinas.

Quando o assunto é nadadeiras, diversas questões vêm à tona: vantagens ou prejuízos, força ou velocidade, mitos ou verdades, heroína ou vilã, enfim, o uso das nadadeiras gera polêmica atrás de polêmica.

Neste texto, a Medinas vai ajudar você a decidir se deve ou não usar, seja você nadador em início de carreira ou nadador por entretenimento.

E você vai se surpreender.

Benefícios das Nadadeiras

É necessário entender alguns fatores para o uso de nadadeiras. Muitos tipos têm comprovação prática; outros, científicas; outros ainda, experimental. Mas o fato é que realmente elas podem oferecer ao indivíduo algumas situações vantajosas e outras prejudiciais.

1 – Força de perna

Nadadeiras (Pé de Pato) em silicone Speedo Power Fin

Nadadeira (Pé de Pato) em silicone Speedo Power Fin

Como alguns dos nomes das nadadeiras diz, elas estendem a área dos pés. Desta forma, aumenta a quatidade de água que resiste ao movimento. Consequentemente, é necessário mais força para empurrar a água. A pernada se torna mais intensa, o que exige trabalho de músculo mais intenso também.

Segundo o técnico do Esporte Clube Pinheiros e da seleção brasileira, Marcelo Tomazini, “isso significa que, quanto maior a área de superfície da nadadeira, maior é a força que o indivíduo demanda para se deslocar e mais forte pode ficar sua perna”.

Pernas com músculos mais fortes e técnica ideal deixam o atleta mais rápido.

Entretanto, ainda para Tomazini, “é preciso salientar que o uso das nadadeiras desenvolverá a força das pernas para aquele exercício especificamente e é provável que não se transportará para outra especificidade. Por exemplo: nadador que quer ter perna de crawl forte, necessita treinar perna de crawl, e assim como nos outros nados”.

2 – Nìvel de Aptidão e Condicionamento Cardiovascular

Nós temos falado com constância de natação é esporte completo. A prática estimula todos os sistemas do corpo. Contudo, notamos em diversas mensagens que recebemos de nossos leitores que eles não exploram tudo que os movimento de pernas podem proporcionar.

Muitos nadam sem pernadas fortes e precisas, pois imaginam que a função velocidade seja incumbência dos braços e não das pernas.

É aí que entram as nadadeiras. Elas forçam o nadador a usar mais as pernas, pois o cérebro reconhece que as nadadeiras seriam uma espécie de peso morto. Por outro lado, como a borracha desse equipamento faz leve pressão nos tornozelos, o nadador estaria sempre se lembrando de que é necessário praticar pernadas mais eficientes.

Assim, o atleta consegue ativar mais as pernas durante a prática, que é onde se localizam os maiores músculos. Isso faz que número maior de músculos seja trabalhado, aumentando o consumo de oxigênio. É assim que o sistema cardiovascular fica mais acionado e desenvolvido.

Com aumento de trabalho do sistema cardiovascular, melhor aptidão física é alcançada.

3 – Flexibilidade dos Tornozelos

Nadadeira Kpaloa João-de-Lucca com saco drenante

Nadadeira Kpaloa João-de-Lucca com saco drenante

Sabe-se que, quanto menor for a prática do nadador, mais dificuldade tem para propulsionar a pernada. A maioria dos casos que gera esse problema é a flexibilidade dos tornozelos: se não adequada, pode criar hábito de movimento  incorreto dos pés e comprometer pernadas.

A função das nadadeiras nessa articulação é oferecer carga extra devido ao aumento da resistência por causa da quantidade água. Assim os tornozelos se alongam ao se realizar a propulsão e os ligamentos recebem maior incentivo ao trabalho para suportar a pressão. Com isso, o praticante desenvolve flexibilidade, o que melhora a pernada.

4 – Posição do Corpo e Melhoria na Técnica

O aumento da velocidade no nado com uso de nadadeiras oferece melhor flutuabilidade. Assim, a percepção de horizontalidade é maior. Nadadores com menos experiência conseguem tirar proveito porque, quanto mais vertical estiver o corpo, maior é a resistência da água.

Assim, conseguindo manter o corpo na horizontal, conseguem maior velocidade. Por outro lado, cérebro vai registrando a posição que melhor corresponda à horizontal. Quando o atleta deixar de usar a nadadeira, o corpo vai estar condicionado a buscar essa melhor posição.

Tomazini informa: “Está comprovado que atletas que nadam em velocidade usando os pés de pato conseguem também nadar rápido ao tirá-los, pois transferem toda sensação adquirida na nova posição pelo desenvolvimento do sistema neuromuscular; afinal, os músculos e nervos ‘lembram-se’ da sensação de nadar mais rápido e tentam reproduzi-la”.

Tipos de Nadadeiras: Qual é a Superfície Ideal?

A superfície das nadadeiras é fator determinante para melhoria no nado. É ela o parâmetro para a energia que vai ser gerada. Quanto maior a superfície da nadadeira, maior será a força que o praticante terá de exercer. Assim, maior será a velocidade.

Mas quanto maior for a superfície, maior será a dificuldade do praticante de executar movimentos rápidos. Nadadeiras com superfícies curtas necessitam de menos força para gerar energia, mas ao mesmo tempo possibilitam movimentos rápidos de pernadas.

O maior responsável por essas informações e instruções é o profissional de Educação Física, que orienta o nadador sobre qual é a superfície correta a ser usada. Existem hoje no mercado algumas nadadeiras específicas para cada nado, ou seja, nadadeiras em que a área de superfície exerce resistência localizada para desenvolvimento dos principais músculos daqueles movimentos.

Como Usar

As dicas a seguir ajudam você a colocar as nadadeiras de natação com segurança, conforto e eficiência.

As nadadeiras são ótimo equipamento tanto para uso em treinos de resistência, velocidade ou apenas para se divertir na água. Dão chance de se mover parecido como peixe. Mas podem ser complicado na hora de colocá-las.

  1. Coloque as nadadeiras já dentro da água. Elas são projetadas para ser usadas somente na água. É bastante estranho andar com nadadeiras e, usando-as nas bordas das piscinas, pode danificá-las: a borracha flexível pode quebrar ou rachar caso sejam dobradas intensamente.Evite andar nas suas nadadeiras. Coloque-as enquanto estiver sentado na beirada da piscina, na parte rasa ou segurando-se à parede.
  2. Considere o uso de meias. Se aparecerem bolhas com o uso das nadadeiras, você deve considerar o uso de um par de meias esportivas ou meias especialmente finas. Meias finas para a água são projetadas para reduzir o total de borracha em contato com a pele, prevenindo atrito durante longas séries. Como são feitas para uso na água, as meias finas podem ser usadas durante muitas horas.Coloque as meias também na água para evitar danos.
  3. Ajuste a alça. Se suas nadadeiras possuem a parte do calcanhar fechada, segure a parte traseira do calcanhar e escorregue seu pé para encaixar. Arraste seu dedo entre as bordas e o pé para se certificar de que a borracha não está dobrada. Seu calcanhar deverá estar completamente encaixado. Se estiver somente parcialmente inserido, a nadadeira poderá sair enquanto você nada.Se você possuir uma nadadeira com a parte do calcanhar ajustável, segure a alça do calcanhar e arraste seu pé para dentro. Ajuste a alça, se necessário, para conseguir encaixe confortável. Não deixe tão apertado ao ponto de oferecer desconforto, mas deve estar segura o suficiente para permanecer no lugar enquanto você chuta ou empurra a parede.
  4. O Tamanho é importanteComo as nadadeiras precisam ser grandes o suficiente, mas apertadas o bastante para ficar no lugar enquanto você nada, achar o tamanho certo é importante. Um pouco maiores e suas nadadeiras vão cair durante a natação, mas muito pequenas vão aparecer bolhas nos seus pés. Colocar ou tirar nadadeiras muito pequenas é também um desafio. Certifique-se de que, quando comprar suas nadadeiras, são a combinação possível do tamanho ideal de seus pés.

Finalmente, Motivo para Não Usar

O único motivo para você não querer usar nadadeiras é você não gostar de natação. É ou não é? E, venhamos e convenhamos, não há ninguém que não goste de natação.

Conheça as nadadeiras oferecidas pela Medinas. Acesse aqui e descubra o melhor preço da internet e ainda com parcelamento em até 6X e frete grátis para compras acima de 199,90.

Boas braçadas! (Ou, neste texto, boas pernadas!)

10 Comentários

  • Pernada é elemento de alta importância na eficácia do nado 8 de novembro de 2016 (13:57)

    […] tivemos chance de falar aqui sobre como é importante escolher a nadadeira ideal para cada tipo de exercício e cada tipo de […]

  • Presentes para nadador: 19 dicas para deixá-lo surpreso 23 de dezembro de 2016 (10:21)

    […] 1 – Nadadeiras […]

  • comment-avatar
    Aparecido 26 de fevereiro de 2018 (11:35)

    Bom dia

    Estou buscando uma nadadeira mas surgiu uma dúvida, existe algum tipo ideal de nadadeira? e existe diferença entre nadadeiras para piscina de azulejo e piscina de vinil? (ja disseram que não pode em piscina de vinil ou tem que ser uma especifica.

  • comment-avatar
    Lucas 22 de março de 2018 (00:22)

    Eu usei uma nadadeira hoje da academia que pratico, e no meio da piscina me deu uma caimbra e não consegui mais nadar. Pode ser uma nadadeira incompatível pra mim?

    • comment-avatar
      Medinas 11 de julho de 2018 (21:44)

      Olá Lucas. A nadadeira estava grande pra você? A caimbra aconteceu na panturrilha?

  • comment-avatar
    Liziane 7 de abril de 2019 (18:05)

    Eu pratico natação 3x por semana e sempre usei nadadeiras, na última semana comecei a sentir dores.
    As nadadeiras causam algum tipo de carga na lombar??

    • comment-avatar
      Medinas 1 de julho de 2019 (12:11)

      Bom dia Liziane. Na lombar não. Será que não é outra atividade?

  • comment-avatar
    renata 3 de junho de 2019 (14:07)

    uma pergunta: 50m em 35 segundos com nadadeira. 50m sem nadadeira, qual a proporção do tempo pela mesma pessoa, ou seja, quanto deveria fazer já que nadou em 35 ss com o pé de pato?

    • comment-avatar
      Medinas 1 de julho de 2019 (12:09)

      Olá Renata. Obrigado pelo comentário em nosso blog. Não sabemos a resposta dessa pergunta, mas a nadadeira é apenas para aperfeiçoar sua técnica e aumentar a força dos membros inferiores.